Após Toby Price em 2016 e Sam Sunderland em 2017, neste ano tivemos outro novo vencedor na categoria motocicleta do Rally Dakar. O piloto da equipe Red Bull KTM Factory Team, Matthias Walkner, tornou-se o primeiro austríaco a vencer um Dakar. Depois de uma lesão grave em 2016 e um segundo lugar em 2017, nada mais justo do que a vitória neste ano para o austríaco que comandou seu caminho impecavelmente, desde o início da competição. Para a equipe KTM, trata-se de uma impressionante marca de 17 vitórias consecutivas no campeonato.

"Desta vez eu tinha a sorte ao meu lado. Em 2016, após uma lesão grave, muita coisa mudou para mim. É tão legal estar de volta aqui."

Matthias Walkner "

É realmente muito, muito incrível. Eu nunca pensei que realmente poderia ganhar. O objetivo era me manter no pódio, mas foi por pouco neste ano e o décimo dia foi um dia-chave. Talvez a sorte estivesse do meu lado desta vez, mas é realmente um sonho se tornando realidade. Foi um Dakar muito louco. O nível de pilotagem foi muito alto. Havia outras cinco pessoas que poderiam ter ganho, mas parece que eu fui o sortudo. Eu com certeza tive um pouco de sorte. Eu acho que é preciso ter um pouco de sorte no Dakar. Às vezes você a tem e às vezes você não a tem. Desta vez eu tinha a sorte ao meu lado. Em 2016, após uma lesão grave, muita coisa mudou para mim. É tão legal estar de volta aqui". Na rodada final, Kevin Benavides (Honda) esteve sob a pressão do imparável Toby Price (KTM), mas o argentino conseguiu ir fundo e angariar a vitória da rodada, além de um segundo lugar nas classificações gerais. Benavides se mostrou um competidor e tanto, até mesmo liderando a classificação geral em certo ponto da competição, hoje um dos mais bem cotados para a vitória do Dakar 2019. Após retornar de uma super lesão em 2017, o terceiro lugar ficou para o australiano Toby Price, seguido pela estrela do enduro, Antoine Meo (KTM) na quarta colocação.

Laia Sanz

"Eu fico muito contente em terminar este Dakar que foi muito difícil. Eu também tive a ajuda de uma ótima equipe e de uma excelente motocicleta. Também gostaria de parabenizar a organização que montou um autêntico Dakar", afirmou a pilota.

 

Classificação geral - Motocicletas - Etapa 14

  • 1. K. Benavides (Honda) 01:26:41
  • 2. T. Price (KTM) at 00:00:54
  • 3. A. Meo (KTM) at 00:02:49
  • 8. M. Walkner (KTM) at 00:05:38
  • 11. L. Sanz (KTM) to 00:11:03